Leia ao som de: the lumineers – sleep on the floor

Pegue sua mochila e coloque roupas frescas lá dentro, não se esquece de pegar sua escova de dente. Eu vou passar no posto de gasolina, você vai até a conveniência e compra algum mapa que tiver por lá. Não sei ao certo para onde vamos, mas vamos.

Sempre sonhei em fazer uma viagem sem rumo por ai, com uma mochila nas costas e um coração cheio de expectativa. Mas nunca quis fazer essa viagem sozinho e nenhuma companhia até hoje me pareceu interessante pra ocupar o banco do carona.

Mas você é a companhia perfeita.

As borboletas no estômago dançam quando você está perto e eu sinto que preciso falar seu nome em qualquer conversa a toa. É como se você tivesse se tornado meu dialeto preferido.

Você é a companhia perfeita.

Então, só coloque o que couber na mochila, o que faltar a gente compra pelo caminho. Podemos parar na estrada pra ver o sol se pôr ou dirigir até a praia mais próxima pra o ver nascer no mar. Podemos ir para alguma capital ou se esconder em numa cidadezinha do interior. Eu estou realmente animado com o destino da viagem, mas se o pneu furar na próxima esquina ou a gente precisar dormir em algum hotel meia boca, tanto faz, é como se a viagem fosse valer a pena só pela sua companhia.

A tal companhia perfeita.

A linha tênue entre fazer o que é correto e cometer uma loucura.

Não se esquece de deixar um bilhete de despedida e avisar que talvez você não volte. Leva também o protetor solar e um par de luvas, não sabemos o destino. Nesse momento só sua companhia importa.

Não sei se você é o amor da minha vida inteira, mas é meio chato imaginar um único amor numa vida tão extensa não é? Então, se você quiser ser o amor dessa parte da minha vida, por mim tá tudo bem. Só não se esquece de colocar umas musicas boas pra tocar no carro. Não se esquece de calçar sapatos confortáveis, talvez a viagem seja mais longa que o esperado. Eu só quero sair disso tudo aqui e ir pra longe com você. ver rostos diferentes e acordar em alguma cidade que não sabemos falar o nome. Eu só quero que as borboletas no meu estomago aprendam a voar e se sintam livres, e é exatamente o que acontece quando eu estou na sua companhia.

A tal companhia perfeita.

Não sei se aceitará o meu convite, mas acredito que pelo sorriso que você esboça toda vez que olha pra mim por mais que três minutos, o convite já está aceito. Eu quero envelhecer e me lembrar dessa viagem, eu quero lembrar que eu cometi uma loucura com a única companhia possível e sentir a sensação de dever cumprido. Eu quero lembrar que te vi adormecer e acordar e revezei o volante com você. eu quero lembrar que cruzamos os estados cantando nossas bandas preferidas até você cansar e deitar no meu ombro direito pra dormir. Eu quero me lembrar dessa viagem com você. Porque você é a companhia perfeita. Para a viagem e talvez para a vida, mas isso ai, já é outra história.

Comments Closed