Textos e resenhas literárias

Resenha literária: Sr. Daniels, Brittainy C. Cherry

Sinopse: Depois de perder a irmã gêmea para a leucemia, Ashlyn Jennings vê sua vida mudar completamente. Além de ter de aprender a conviver sem parte de si mesma, ela precisa se adaptar a uma nova rotina. Enviada pela mãe para a casa do pai, com quem mal conviveu até então, ela viaja de trem para Edgewood, Wisconsin, carregando poucos pertences, muitas lembranças e uma caixa misteriosa deixada pela irmã.
Na estação de trem Ashlyn conhece o músico Daniel, um rapaz lindo e gentil, e a atração é imediata. Os dois compartilham não só o amor pela música e por William Shakespeare mas também a dor provocada por perdas irreparáveis. Ao sentir-se esperançosa quanto a sua nova vida, Ashlyn começa o ano letivo na escola onde o pai é diretor. E não consegue acreditar quando descobre, no primeiro dia de aula, que Daniel, o belo músico de olhos azuis com quem já está completamente envolvida, é o Sr. Daniels, seu professor de inglês.
Desorientados, eles precisam manter seu amor em segredo, e são forçados a se ver como dois desconhecidos na escola. E, como se isso já não fosse difícil o bastante, eles ainda precisam tentar de todas as formas superar os antigos problemas e sobreviver a novos e inesperados conflitos.

Romance / Drama / Literatura Estrangeira / Jovem adulto

310 páginas

Classificação: 4/5

Vou começar essa resenha dizendo uma única coisa: ESTOU VICIADA NOS LIVROS DA BRITTAINY.

Pronto.

Vamos lá.

Ashlyn é uma menina sofrida, desacreditada da vida após perder sua irmã gêmea, Gabby, vítima de leucemia. A relação com sua mãe nunca foi muito boa, já que ela sempre demonstrou ter preferência por Gabby, mas tudo piora após a morte da gêmea, quando a mãe de Ashlyn a expulsa de casa e a obriga a morar com seu pai em outra cidade. No entanto, nem Ashlyn nem Gabby foram criadas pelo pai, ou seja, não há qualquer laço afetivo ou intimidade com ele, o que torna toda a mudança mais difícil.

Durante a viagem de trem que a levaria para sua nova casa, Ashlyn conhece um belo rapaz de olhos azuis que a faz sentir tudo aquilo que não vinha sentindo a muito tempo: ele a faz sentir viva. Ashlyn  não sabe o porquê disso, mas gosta. Ele a convida para vê-lo tocar com sua banda num bar da cidade, e, apesar de se assustar com a proposta de um desconhecido, Ashlyn considera a ideia, já que o rapaz a fez sentir tão bem.

Em sua nova casa, Ashlyn conhece sua madrasta, uma religiosa mulher que exige perfeição de tudo e todos, e os filhos dela que, curiosamente, chamam o pai de Ashlyn de pai. Isso tudo confunde a menina e a faz perceber que seu pai, que nunca havia sido realmente pai para ela e sua irmã, estava sendo pai para os dois filhos de sua madrasta.

Querendo fugir do ambiente que agora seria sua casa. Ashlyn vai ao bar para ver o rapaz tocar e se surpreende: ele canta incrivelmente bem, mas o melhor de tudo eram as letras: todas baseadas em histórias de Shakespeare, seu autor favorito. Os dois conversam e se sentem cada vez mais próximos, seja pelos interesses em comum ou pelas tragédias da vida, já que o rapaz também perdeu alguém da família há pouco tempo. O nome dele é Daniel, eles trocam contatos e sentem como se finalmente houvessem encontrado uma felicidade em meio ao caos.

O romance é narrado em primeira pessoa, tanto por Ashlyn, quanto por Daniel, dessa forma podemos saber os sentimentos e perspectivas de cada um deles, da mesma forma ocorrida no livro “O ar que ele respira”, também da Brittainy.

Minha opinião: Esse é o segundo livro de Brittainy que eu li e confesso que amei e já estou doida para ler todos os outros. O único defeito, ao meu ver, que talvez não seja bem um defeito, mas sim um fato, é o excesso de tragédias e mortes presentes nos livros que eu li até então. Não são histórias leves e bobas, você vai chorar, se irritar, se apaixonar, se emocionar em 99% das páginas. Há muita sensibilidade em Sr. Daniels e não há como não se apaixonar pelo casal e por todos os outros personagens que nos mostram que errar é humano e perdoar é essencial.

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.