Textos e resenhas literárias

Quanto tempo você ainda tem?

Leia ao som de Oração ao Tempo, cantada por Maria Gadú.

Isso mesmo, quanto tempo?

Dizem que somos infinitos. Também dizem que só vivemos uma vez. Acho que somos infinitamente feitos de pequenos fragmentos de tempo, acontecimentos e emoções. Como se cada segundo vivido por nós na Terra fosse um pequeno universo.

Viva tudo como se fosse a primeira vez.

Com entusiasmo.

Com esperança.

Com ânimo.

Com garra.

Viva tudo como se fosse a última vez.

Com gratidão.

Com atenção a cada pequeno detalhe.

Com amor.

Porque o tempo está passando. Ele é imperdoável e senhor de si. Não atrasa e nem é adiantado para ninguém. Ao seu bel prazer, badala os sinos das igrejas às seis e se transforma em aprendizado para quem sabe apreciá-lo.

Ele não espera ninguém.

E não vai esperar você finalmente resolver abrir os pulmões ao ar livre e respirar o que a vida tem a lhe oferecer. Não vai te dar “só mais cinco minutinhos” enquanto você decide se vai ou não assumir que seu trabalho atual é uma droga e finalmente vai abrir aquela sorveteria que sempre sonhou. Ou começar uma faculdade. Ou casar com a sua namorada de infância. Ele não vai esperar você perceber o quanto viver é incrível.

E ele está passando.

Por isso deixe de lado suas desculpas e vá desculpar quem te magoou. Peça também perdão. Ligue para seu pai que não vê há sete anos e diga que ele faz falta. Corra quando uma chuva de verão resolver cair e dance no meio do quintal. Aprecie os primeiros passos do seu filho, leia para sua irmã mais nova, leve seu cachorro para passear em lugares divertidos. Seja luz para quem precisa.

Quanto tempo você ainda tem?

Não sabe a resposta, tudo bem. Eu também não sei. E, por conta desse fato, só posso te dizer que cada dia é como se fosse o primeiro, o último e como se fosse infinito também. Olhe para o céu à noite e aprecie a imensidão. Cada segundo é um pequeno universo e vale a pena ser vivido de verdade. Seja de verdade.

Nunca é tarde para ser feliz.

Comments Closed

Comentários estão fechados.